, , , , , ,

Opinião Literária: Judith McNaught - Paraíso

Paraíso
(Second Opportunities #1)
de Judith McNaught 
Título Original: Paradise
ISBN: 9789892343501
Edição ou reimpressão: 10-2018
Editor: Edições Asa
Páginas: 752
Género: Romance, Romance contemporâneo
Compre na 
Wook
Livro (Aqui) Ebook (aqui)
Bertrand
Livro (Aqui) Ebook (aqui)
Goodreads: 4,32✯ (aqui)

Sinopse:
Eles eram jovens e sonhadores. Com apenas dezoito anos, Meredith era a herdeira da fortuna Bancroft. Matthew, de origens muito humildes, tinha uma inteligência brilhante e uma energia sem fim. Conheceram-se e apaixonaram-se. Juntos, sentiam-se capazes de conquistar o mundo. Por amor, Meredith desafiou o pai pela primeira vez. 

Onze anos passaram…
Matthew mudou muito desde os seus tempos de rapazinho pobre e tímido. Longe vão os dias em que ousou apaixonar-se por Meredith. Foi um amor sem igual, que terminou abruptamente com uma indesculpável traição. Agora, Matthew é um homem poderoso e implacável. Sob o olhar atento dos média, está prestes a lançar-se sobre o império Bancroft.

Executiva de topo na empresa do pai, a solitária Meredith prepara-se para defender a todo o custo o império familiar. Mas, à medida que a tensão aumenta, tanto um como o outro se veem perturbados por memórias agridoces e perigosas tentações… 

Serão eles capazes de arriscar tudo numa paixão que os destroçou no passado?

A Minha Opinião:
  Demorei demasiado tempo para ler este livro, comecei em Outubro, em que li umas 50 páginas, e só agora é que finalmente o terminei, mas tem uma explicação.
  O livro começa com a infância de Meredith, que era excluída na escola, e tinha pouca atenção em casa, e basicamente é tudo uma desgraça até que conhece Lisa, que passa a ser sua colega de escola e também sua melhor amiga, e que acaba por transformar a velha Meredith numa jovem desejada. É no 4 de julho no clube de golfe que o pai de Meredith frequenta que ela conhece Matthew. Matthew não passa de um operário que vai para a Venezuela para uma exploração de petróleo, mas que deixa Meredith encantada, e depois de se conhecerem também ele ficou encantado com ela. Mas a verdade é que fazem parte de classes sociais diferentes, e por mais que os dois não se importem, o pai de Meredith não pensa da mesma forma e faz de tudo para que eles se separem.
  Entretanto passaram 11 anos e as coisas mudaram muito, principalmente para Matthew, que agora é um homem de negócios todo poderoso e temido, e está na altura de ele ter a vingança sobre os Bancroft que sonhou desde que lhe partiram o coração.
  Quanto às personagens adorei o Matthew, apesar das origens humildes ele ambicionava ser alguém na vida, e como não tinha papás ricos tinha de trabalhar para conseguir. Tinha pelo menos dois cursos universitários na área de gestão numa universidade pública, que era visto como algo menor, enfim... Muito do que ele fez, foi para provar que conseguia, e que o pai da Meredith estava enganado.
  No que diz respeito à Meredith, ela era boa a ser mandada, e por mais que tivesse capacidades de liderança e que fosse das melhores, o pai vi-a sempre como uma mulher, o que era algo depreciativo. Foi uma das coisas que me enervou na história, a diminuição do papel da mulher, e o facto de a Meredith não mandar um pontapé no rabo do pai, mesmo depois de tudo ela continua a ter pena dele, a querer agradar-lhe, eu no lugar dela tinha-o mandado dar uma volta. Isto para dizer que apesar do talento, ela não é propriamente uma mulher capaz de enfrentar o pai, e segue muito o que ele diz, não sendo muito dificil ele entrar na cabeça dela e começar a meter macaquinhos lá.
  É de notar que este livro se passa em 1989 (segundo o goodreads, porque não me lembro de isso ser mencionado no livro, mas também no meio de tantas páginas é dificil recordar tudo) e escrito em 1991 originalmente, e obviamente na altura um contemporâneo, e hoje em dia também o podemos considerar, porque tirando o facto de não falarem em telemóveis, não há nada que indique que o livro se passa à 30 anos atrás.
  O problema deste livro além de ser gigante, eu li em ebook e tinha 601 páginas, mas a versão fisica ronda as 750 páginas, é que tem, na minha opinião um inicio lento. Basicamente é preciso coragem para as primeiras 150 páginas do livro, porque depois é sempre a andar, porque finalmente a história começa a ganhar um ritmo mais rápido, ou simplesmente a história começou a ficar mais interessante para mim. É quando eles se reencontram que começa a ficar interessante. Mais uma razão para não dar as 5 estrelas foi achar que alguns pormenores não foram completamente esclarecidos, eu gostava de ter tido mais informações.
  De uma maneira geral, foi uma boa leitura. Foi uma estreia com a autora, de quem eu vou querer ler mais, só tenho pena que ela só escreva calhamaços.
Este livro é um daqueles livros que nos ansiamos pelo desenvolvimento, que sofremos com as personagens, que queremos esganar pessoas e que torcemos para um final feliz.

Classificação

Leitura com Apoio:

Outras Capas:
A capa portuguesa é mais bonita que estas, mas também a maioria destas edições são antigas e até mesmo por cá há uma clara evolução positiva nas capas dos livros nos últimos anos.

Já leram este livro? Conhecem a autora? Deixem tudo nos comentários e até ao próximo post.
Share:

3 comentários: