Música, Filmes, Livros, um pouco de tudo. Liliana, 20 anos, apaixonada pela sétima arte, toda a música existente, e sonha ter uma biblioteca gigante. Mergulhada constantemente em pipocas no sofá, e escritora nas horas vagas. Contacto: alilianaraquel@gmail.com

, , ,

Vou para a Universidade e Agora? - Materiais


Olá, cá venho eu para mais umas dicas para quem vai para a Universidade, desta vez com o material escolar.
Uma das coisas que mais gosto na Universidade é o facto de não ser necessário muito material (sem ser os livros), ninguém controla o que vocês trazem, ou sequer se levam alguma coisa. Vi diversas vezes colegas a entrarem com uma folha à quatro dobrada e uma caneta no bolso, um sonho para mim, mas infelizmente não consigo fazer esse feito.

O material essencial é o básico

* Caneta ou/e lápis. 
* Caderno/folhas 
Depende muito do que cada um gosta. Eu, por exemplo, uso um caderno onde escrevo tudo, meio à balda, e depois passo tudo para folhas que organizo num grande Dossie (normalmente 2 por semestre).

É verdade este é o essencial, mas claro que existem quem leve muito mais coisas. Mas por experiência do que vejo, a maioria das pessoas nos primeiros dias anda com tudo direitinho, muitas canetas de todas as cores, mas para o meio é só uma caneta e um lápis atirado para dentro da pasta.

Livros

O grande bicho de sete cabeças para a carteira. Já tive livros de cadeiras que custavam 200€, claro que eu não comprei, mas acredito que houve quem o fizesse.

Alguns conselhos:

* Estabelecer Prioridades
Primeiro fotocopiem os materiais disponibilizados pelos professores, e depois sim passem aos livros. Normalmente eles na primeira aula falam dos materiais necessários, e dizem os livros que valem mais a pena.

* Vejam se é realmente preciso o livro 
O truque é não comprarem logo os livros, vejam na biblioteca e analisem se vale ou não a pena, se tem toda a matéria necessária. Se só tiver partes podem fotocopia-las e fica mais barato.
Eu por exemplo tenho livros que nunca usei e que foi um desperdício de dinheiro.

* Nem todas as Fotocopias são crime.
Parte de livros não é, mas descobri à uns tempos numa aula de contabilidade que certas reprografias pagam uma "cota" à associação dos autores (ou algo do género) que lhes permite reproduzir obras.

O que devem ter em conta é as vossas possibilidades. Normalmente as bibliotecas das faculdades têm os livros que os professores sugerem, e normalmente estes têm isso em atenção para que os alunos que não tenham condições de comprar possam ter acesso a eles.

Espero que vos tenha ajudado, se tiverem alguma dúvida ou questão não hesitem em perguntar.

Share:

10 comentários:

  1. os livros na universidade eram um abuso

    mas foi das melhores fases da minha vida

    beijinho

    http://mimiinthemirror.com/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A mim não são muito, mas estão longe do barato!
      Já te sigo :)

      beijinhos

      Eliminar
  2. gostei muito do teu blog :) comecei a seguir ;) *

    ResponderEliminar
  3. Estou bastante ansiosa para ver como vou desenrolar essa questão dos livros no meu primeiro ano de universidade este ano. É um dilema que ainda está por resolver, ahah. Gostei muito do post!

    Xoxo,
    Ciela Unlimited | https://cielaunlimitedblog.wordpress.com/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vais ver que se resolve bem, para todos os efeitos eles não podem obrigar a comprar livros com preços ridiculamente altos!

      Beijos

      Eliminar
  4. Felizmente os meus professores disponibilizam os materiais todos na nossa plataforma online. E os materiais dependem das cadeiras, tive cadeiras este ano em que nem tirava nada para cima da mesa, e outras que tinha tudo e mais alguma coisa. beijinhos
    www.pinkisthenew-black.blogspot.pt

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Os meus também disponibilizam a maior parte, mas existem livros que não podem ser partilhados!

      Beijinhos

      Eliminar
  5. O preço dos livros é mesmo muito elevado, quem vai para a Faculdade tem que estar mesmo preparada. Mds, imagina eu, nem sei como seria ou será(quem sabe).
    Beijinhos,
    http://i-dreamer-girl.blogspot.pt/2017/09/do-it-yourself-calendario-de-testes-2017.html

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É verdade, mas os professores também têm de ter em conta os livros disponiveis na biblioteca da faculdade. Por exemplo, eu tive uma professora que queria usar um livro, mas ele nao chegou à biblioteca da faculdade a tempo e então ela simplesmente não o usou. Acho que depende muito dos professores.

      beijinhos

      Eliminar
  6. Infelizmente já terminei essa fase, há bem pouco tempo por sinal, e era um bocado como tu, adoraria conseguir andar com apenas uma folha e uma caneta no bolso mas não dava! Também usava um caderno para tudo durante o dia e à noite passava tudo a limpo para dossiers individuais! O trauma dos livros no meu caso era um pouco pior, além de serem caros, eram muito difíceis de encontrar, infelizmente ainda não se aposta muito na literatura sobre moda neste país e nas faculdades em si... Valiam-me os professores viajados que traziam cópias autorizadas e nos cediam o que podiam! ;)
    Bem, passei por aqui para te dizer que gostei imenso do teu blog (não podia deixar de comentar este post) e para te informar que, por isso mesmo, te nomeei para o Blogger Recognition Award!
    http://www.claudianoversa.com/tag-blogger-recognition-award

    Beijinho! Cláudia, a PassionFruit

    ResponderEliminar