, , ,

Globos de Ouro: Alguns Looks

Os Globos de Ouro são troféus atribuídos anualmente em Portugal desde 1996, numa organização conjunta da estação de televisão SIC e da revista Caras.
Os prémios são atribuídos a profissionais em várias áreas da arte e entretenimento no país, desde o teatro ao desporto, passando pelo cinema, moda e música.
É também o momento das estrelas portuguesas brilharem na passadeira vermelha, a questão é que nem sem brilham... Neste post vou enumerar alguns dos meus looks favoritos, os que gosto mas mudava algo e os que simplesmente não gosto. 

Os que Adoro!
Cláudia Vieira
É sem dúvida um dos meus preferidos! Desde do vestido, ao cabelo às jóias está, para mim, perfeito!
Sara Salgado
É o meu segundo favorito. Entrou na moda das transparências que tanto se fez notar este ano na passadeira vermelha, mas talvez devido à cor e ao tecido quase não se nota. Depois tem a cor, arriscada, mas que ficou sem dúvida maravilhoso. 
Ana Marta Ferreira
É um vestido fluido e simples, cativou-me assim que vi as fotos. Dá-lhe um ar de princesa fantástico!
Mariana Norton
Mais um vestido de Transparências, mas ao contrário de outros (que viram mais à frente) não o acho excessivo, talvez seja a cor, ou o facto de ter as mangas compridas. Era um vestido que eu usaria sem quaisquer problemas. 
Clara de Sousa
Talvez o facto de ser branco fosse uma razão fosse razão para eu excluir, mas realmente apreciei este vestido, é simples e bonito!
Carolina Patrocínio
Inicialmente nem achei graça, por não ser um vestido, mas agora olhando novamente para o look, gosto, é simples, diferente, e sem dúvida que usaria. 
Marianne Bittencourt
Achei o vestido super lindo, o cinto preto faz diferença num vestido, para mim estes detalhes marcam sem dúvida um vestido. 
José Mata e Rita Duarte
Poderia falar maravilhas do José Mata, sou grande fã dele, mas é da namorada, a Rita Duarte que venho falar, o vestido é super simples, mas assim que o vi apaixonei-me. A cor, o corte está simplesmente fantástico, e o detalhe na cinta está maravilhoso. 
Os que adorei mas...
Vitória Guerra
Mais um de transparências, eu sinceramente até gosto deste, se não fossem aqueles folhos tanto no colarinho como nas mangas... Contudo ia bem vestida. 
Cláudia Borges
A cor é bonita, mas ficava, na minha opinião, melhor se fosse tudo agarrado, ou se mostrasse a diferença como no da Carolina Patrocínio.
Bárbara Lourenço
A cor é bonita porque se destaca na sua pele morena, mas parece uma camisa de dormir muito larga, talvez se fosse mais cintado ficasse melhor. Contudo gosto do look em geral.

Luciana Abreu 

Mais transparências, mas começa a chegar aquelas que menos gosto. Sinceramente não sei porquê, mas não gosto de a ver neste vestido. Foi muito mais bem vestida em anos anteriores. Contudo o vestido não é feio.

Sara Matos

Eu gosto do vestido, menos das mangas que caem, não percebo bem o seu sentido lá... De resto acho que a Sara está muito bem apresentada. 

Filipa Areosa
Eu gosto deste género de vestidos, não que ache que são propriamente para este tipo de eventos... Contudo para mim aqui o problema é a cor, quase não se sobressai na pele dela. 

Sandra Celas
Para mim este vestido, muito sinceramente, parece uma camisa de dormir, contudo com o lenço que trás no pescoço fica muito mais chique e dá-lhe um toque mais elegante.

Joana de Verona
Eu gosto do tecido, da cor, mas o corte do vestido estraga tudo... Parece que a atriz não é uma tábua de passar a ferro sem qualquer curvas. Não era necessário ser justinho, mas bastava sem mais cintado para lhe dar outro toque. 

Os que não gosto
Maria Botelho Moniz
Eu não sei o que lhe deu, mas este vestido é dos que menos gosto, há piores, mas aquela parte de cima é sem dúvida horrível. 

Filomena Cardinali
Este padrão de vestido até me faz impressão nos olhos, se fosse todo daquela cor opaca (amarelo torrado, ou verde tropa, não sei bem) ficaria muito melhor. 

Liliana Santos
Quando vi este vestido de lado achei-o super giro, mas agora quando o vi de frente, que horror. Se não tivesse aquelas "coisas" nas mangas ficaria muito melhor...

Débora Monteiro
O que não gosto neste vestido é que não faz transparecer todas as curvas que ela tem, faz com que pareça direita...

Fátima Vilela
Apenas me pergunto para que serve aquele laço ao pescoço, parece mais um presente. De resto o vestido até está giro, mas com aquela combinação não. 

Inês Curado
Este vestido além de parecer do século passado, parece que foi feito com pedaços de cortinas antigas...

Lia Carvalho
Logo a começar pela maquilhagem parece saída de um filme de terror, depois a combinação com o vestido deixa muito a desejar. Por fim, o vestido mais parecia um vestido de praia que para uma gala. 

Maria Clara
Mais um vestido que parece vindo de um cortinado. Aquelas coisas de lado parecem saídas daqueles cortinados antigos. 

E Vocês, concordam ou não comigo? Quais são os vossos favoritos?
Até à próxima!

Share:
Read More
, , , , , , ,

Opinião Literária: Joanne Harris - O Rapaz dos Olhos Azuis

O Rapaz de Olhos Azuis
de Joanne Harris 
ISBN: 9789892310008
Título Original: Blueeyedboy
Edição: 09-2010
Editor: Edições Asa
Idioma: Português
Género: Romance
Páginas: 432
Compre na Wook:
Ebook (aqui)
Livro (Aqui)
Goodreads: 3,26✯ (aqui)

Sinopse:
Ele conhece-a há uma eternidade e, contudo, ela nunca o viu. É como se fosse invisível para a mulher que ama. Mas ele vê-a a ela: o cabelo; a boca; o rosto pequeno e pálido; o casaco vermelho-vivo na neblina matinal, como algo saído de um conto de fadas.
Até agora, ele nunca se apaixonou. Assusta-o um pouco: a intensidade dessa emoção, a maneira como o rosto dela se intromete nos seus pensamentos, a maneira como os seus dedos traçam o nome dela, a maneira como tudo, de algum modo, conspira para que ela nunca lhe saia da cabeça…
Ela não sabe de nada, claro. Tem um ar muito inocente, com o seu casaco vermelho e o seu cesto. Mas por vezes os maus não se vestem de preto e por vezes uma menina perdida na floresta é bem capaz de fazer frente ao lobo mau…

BookTrailer:

Minha Opinião:
Outro livro da Joanne Harris, admito que dei uma oportunidade a este devido à boa experiência que tive com a Maligna , e porque não arriscar noutro livro dela? A sinopse e a capa chamavam à atenção, e o booktrailer que vi na internet também deixava-me de água no bico.
Este livro é especial, primeiro é nos contado uma história de 3 irmãos que era diferenciados por cores onde Benjamim é azul, Nigel é preto e Brendan castanho, e de como a mãe não se tinha apercebido da força das cores. A história é nos apresentada por Benjamim, um quarentão que vive com a mãe viúva, ele é o que chamam de sinestésico, ou seja, para ele as palavras têm uma cor, cheiro e até por vezes sabor. Isto fez com que ele visse o mundo de maneira diferente e teve um impacto negativo na sua infância, contribuindo para que se tornasse num adulto socialmente inadaptado, sem amigos e com uma relação com a mãe esquisita (não encontrei palavra melhor), ele tem medo, ódio e ao mesmo tempo uma dependência dela.
É escrito num estilo diferente (a Joanne Harris consegue sempre inovar), é nos apresentado num estilo de blogue, o webjournal. Assim a personagem principal, o blueeyedboy criou um grupo denominado badguysrocks, onde publica as suas histórias. As histórias dele são macabras, normalmente de homicídios que ele cometeu, que supostamente todas pessoas que fazem de uma forma ou de outra, que fazem parte do seu passado e do da sua família, os dois irmãos e até da mãe.
Uma das coisas que mais gostei nesta história é a forma como a autora aborda um assunto que está na ordem do dia, a internet. Nem todos são o que dão a parecer, existem muitas mentiras, falsidades, e o quanto isso pode ser perigoso. Revela um lado negro da internet, o do crime, romance, jogos psicológicos e até humor negro.
O que mais me surpreendeu foi o final (sem querer dar spoiler), não estava à espera, de nada mesmo. A autora deixo-me de queixo caído, depois de tantas páginas perceber que nem tudo o que lera era verdade, faz pensar ainda mais no que lemos na internet.
De uma maneira geral gostei bastante do livro, o estilo de escrita do blogue é algo com que me identifico, e faz com que pareça que estejamos a ler um diário. É um livro que recomendo!

A Minha Avaliação:
 
Outras Capas:

Share:
Read More
, , ,

Viagem ao Passado: Bon Jovi


Hoje viajaremos até aos anos 80, recheados de homens com os seus longos cabelos!
Em 1983 forma-se em New Jersey uma banda de hard Rock, chamada Bon Jovi.
Até hoje, já foram vendidas mais de 130 milhões de cópias de seus trabalhos, lançaram 13 álbuns de estúdio, 2 compilações e 2 álbuns ao vivo, e fizeram turnês que  passaram pelos cinco continentes.
Tem como vocalista o grande Jon Bon Jovi, Phil X na guitarra, Tico Torres na bateria e David Bryan nos Teclados. Todos fazem para da formação inicial, excepto Phil X, que substituiu o Richie Sambora em 2013.
No ano passado lançaram um novo álbum a 21 de Outubro intitulado "This House Is Not for Sale". Em Agosto foi lançado o 1º single do álbum do mesmo nome.


Da banda é de destacar as músicas It's my life (Sem dúvida a mais conhecida de todas), Bed of Roses, Always, Livin' On a Prayer, You Give Love A Bad Name.




Espero que tenham gostado e até à próxima viagem!

Share:
Read More
,

Eurovisão 2017


Faz hoje uma semana que Portugal ganhou a Eurovisão, que os portugueses ganharam o Grande Festival da Eurovisão da Canção! Andei toda a semana para publicar algo, mas optei por fazê-lo no dia especial. É algo que nunca passou pela cabeça de nenhum português, a nossa classificação tinha sido em 1996 com a canção "O Meu Coração Não Tem Cor" interpretada pela Lúcia Moniz, onde ficamos em 6º lugar.
Este ano vai ficar para a história, o ano em que Portugal virou a história com a canção mais imprevisível de sempre. Ao contrário de todas as outras apresentações não tínhamos espectáculo. Não tínhamos fogo de artificio, pombas, dançarinos, macacos, nem foi no palco principal. Actuámos no meio do público, apenas com uma floresta por trás, ou seja, fomos a diferença. 
No momento da vitória o Salvador Sobral disse "music is not firework, music is feeling", e para mim foi essa a chave para o sucesso.

Entretanto foram feitas algumas críticas menos positivas, por parte dos outros concorrentes. A primeira foi do concorrente da Suécia, que se sentiu atacado, quando o Salvador disse que cada vez mais se fazia música fast food e que a vitória de Portugal fosse uma viragem nas músicas da Eurovisão.
A outra foi por parte dos concorrentes da Roménia, onde essas sim foram críticas maldosas, onde o cantor afirmou que os problemas de Salvador (que tem problemas de coração) eram de cabeça, e que ele devia ganhar por ter talento e não por jogos de marketing, sim porque os problemas dele (daí a afirmação de serem problemas de cabeça) tinham sido manobras para ganhar. Como é óbvio isto é revoltante, principalmente quando ele fala de talento e a música dele tem uma rapariga a cantar meia dúzia de frases e parece a Heidi.

Deixando este lado menos positivo, deixo o grande momento que nos levou à grande vitória!


Share:
Read More
, , ,

Festival de Cannes: Alguns Looks


Festival de Cannes é um festival de cinema criado em 1946 e até 2002 era chamado de "Festival international du film", é um dos mais prestigiados e famosos festivais de cinema do mundo. Acontece todos os anos, no mês de maio, na cidade francesa de Cannes.
O que vou analisar aqui são os looks do primeiro dia do Red Carpet. Houveram deles melhores, outros piores, vou separá-los em 3 grupos, os que adoro, os que nem gosto nem desgosto, e os que não gostam. 
Vou começar pelos que Adorei
Bella Hadid


É sem dúvida um dos meus vestidos favoritos, e sem dúvida a Bella tem corpo para este vestido!

Fan Bingbing

Eu adoro este vestido tanto pelo seu aspecto como pelo tecido. O facto de ser fino, faz com que voe quando ela se movimenta e eu adoro isso!
Michelle Yeoh

Este é um vestido clássico de princesa, mas acho que é algo que nunca fica fora de moda, e é sempre elegante!
Uma Thurman


Eu gosto deste vestido pela cor, e pelo corte. Acho que é um vestido muito elegante e que pode ser usado em diversas ocasiões, e por mulheres de todas as idades. 

Barbara Meier


Eu acho este vestido super elegante. Parece uma sereia, e toda a textura do vestido torna-o ainda mais bonito. 

Lara Lieto 


Eu adoro o vestido, só há uma coisa que não percebo nele, aquela espécie de alça (ou lá o que é) do lado esquerdo. Tirando isso adoro o vestido!

Sara Sampaio


Deixei para último a que para mim era a mais bem vestida. A Portuguesa Sara Sampaio ia bastante elegante, desde do vestido ao cabelo, jóias, tudo! E tem sido bastante elogiada na midía. 

Os que Gosto 
Elsa Zylberstein
Sinceramente não desgosto deste vestido, mas também não o adoro. "Com o preto não me comprometo"! O que não gosto neste vestido é o facto de ele se parecer em cima com um vestido de praia. 

Sveva alviti
Tinha tudo para adorar deste vestido, é um estilo que adoro, e aquele cinto dá-lhe um toque mais chique, o que não gosto é a cor. 

Sandrine Bonnaire

Este é daqueles vestidos que por um lado gosto, por causa do corte, mas que por outro não gosto, devido ao padrão do tecido. 

Elle Fanning


Sou grande fã da Elle, mas este vestido está longe de ser dos meus favoritos. Se um estilo que gosto é o que princesa, e o facto de ter aqueles desenhos atrás ser interessante, estilo do corpete não me agrada nada, fazendo-a parecer uma tábua de passar a ferro. 


 Clotilde Courau

Sinceramente adoro este vestido, o corte, o tecido, o cinto, a decoração, tudo menos as mangas. Faz-me lembrar uma t-shirt, talvez se as mangas fossem mais cumpridas, ficasse melhor. 

Os que não Gosto
Frederique Bel

Sinceramente este vestido faz-me lembrar as roupas dos índios. Não foi uma boa escolha, o vestido torna-se muito esquisito. 

Julianne Moore

O que não gosto neste vestido é os adornos que tem, acho que são excessivos e torna o vestido muito esquisito, principalmente na parte de cima. 

Naomie Harris


O vestido não é feio, mas as cores são demasiadas, parece que vai para uma festa de praia.

Jessica Chastain


 Se de frente o vestido a faz larga, de lado parece que é super fininha. Também não gosto da parte de baixo, faz-me lembrar uma cortina.

Hailey Baldwin


O vestido tinha tudo para ser dos meus favoritos se eu não tivesse uma aversão a folhos. 

Por fim os looks das duas portuguesas em Cannes (além da Sara Sampaio), a Cristina Ferreira e a Rita Pereira. Ambas são embaixadoras da Magnum. 

Cristina Ferreira


No primeiro não percebo aquela espécie de meias, que na minha opinião não a favorece em nada. No segundo já não gosto é do vestido, que me parece uma mistura de estilos muito esquisita. Assim o meu preferido é o último, apesar de não ser o meu vestido preferido, o look no geral fica-lhe bastante bem. 

Rita Pereira




A Rita Pereira no geral foi muito bem vestida para os eventos. O que menos gostei foram os dois primeiros. No primeiro não percebo a existência dos folhos na zona das ancas, no segundo não aprecio o tecido das calças, contudo acho que o conjunto fica muito bem. E por fim o Terceiro está muito giro, muito esvoaçante, o que não gosto muito é dos folhos na parte de cima. 

Esta foi a minha opinião, e vocês concordam comigo ou não? Deixem as vossas opiniões!

Share:
Read More